quarta-feira, 1 de agosto de 2012

DECH

Hoje descobri que estou com DECH, para quem não lembra: Doença do Enxerto Contra o Hospedeiro, ou seja uma rejeição das "células do meu irmão" contra as minhas. Mas isso não é nada grave, já tive DECH uma vez, logo após o transplante, quando ainda estava internada. Como parei com os imunossupressores o Dr Gustavo me disse que isso poderia acontecer.

A um pouco mais de uma semana comecei com uma coceira pelo corpo, em TODO corpo. A coceira alterna, mas não existe lugar onde não coce, de noite então chega a dar um desespero, tem noites que não sei onde coço primeiro e não consigo dormir direito. No meio da semana passada liguei pro Hospital, a Dra Lisandra disse que tomasse um antialérgico, caso não passasse em dois dias pra eu voltar a ligar para combinar de ir ao hospital, a princípio achei que tinha diminuído a coceira, engano meu, no fim de semana ela veio com tudo, segunda de manhã acordei irritada, pois praticamente não dormi a noite me coçando. Liguei pro Hospital Dia e combinaram que eu fosse lá na terça, então ontem eu fui, fiz alguns exames de sangue e urina (que eu havia percebido que estava com a cor alterada), então a tarde me ligaram pedindo que retornasse hoje para mais um exame de sangue (haja veia...) e para o Dr Gustavo conversar comigo, após os exames ele confirmou que era DECH, que dessa vez deu no fígado, da outra vez que tive foi na pele. Me deu corticoide e um remédio para o fígado que deve parar com a coceira em 48h no máximo, estou torcendo para que haja mais rápido... hehehhehe... e quando ele falou em corticoide comentei que iria inchar de novo, ele me disse que provavelmente não, porque dessa vez devo tomar por menos tempo, tomara, estou torcendo, torçam por mim também, não gosto nem um pouco de corticoides... rsrsrsrsr...

Pois bem, mas assim como as novas células atacam algumas outras células minhas elas também devem estar atacando os 2 linfonodos que ainda existem em meu corpo. Agora é só deixar que elas façam o seu trabalho delas e esperar que os remédios façam o dele, as células o trabalho de atacar a doença e os remédios de atacar a DECH.

Bom, por enquanto era isso, dia 07 devo fazer nova postagem, nesse dia 6 meses do transplante.

Beijos

8 comentários:

  1. Força prima,sei que és uma guerreira e que Deus estara sempre contigo... bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada prima. Com certeza Deus está sempre conosco. Bjs

      Excluir
  2. Ô Camila, outro dia a mãe(Isabel) me perguntou se tinha noticias tuas, ela disse que o pai(Gelson) havia encontrado com o sr. Helio, e que tinha ficado preocupado, mas não sabia dizer o que era. Bem, mas parace que esta tudo bem né? Sempre que posso leio tuas postagens, trabalho bastante e minha 3G é uma 3M... perco a paciencia...
    Amiga, estamos sempre torcendo por ti e sempre tem alguem pra dar uma noticia boa, graças a Deus. Força e fé, sempre, fique com Deus!
    Bjs Cris Pinho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cris, não sei que pode ter sido que sei pai ficou preocupado, tudo está bem, até mesmo a DECH é algo chato, mas normal e já esperado. Mas como pode ver tudo tranquilo.
      Obrigada pela torcida sempre.
      Bjs

      Excluir
  3. Putz, deu coceira só de ler! hahahahaha
    Mas essa você tira de letra, o pior já passou, agora é dar um chega pra lá nos retardatários!
    Vai pra cima, e muita força!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, vou pra cima com tudo... hehehhehe... sempre tem q ter uns atrasadinhos, qe demoram a entender que tem q embora, mas logo entendem... hehehhehe
      Muita força pra vc tbm.

      Excluir
  4. É isso aí, menina!

    Essa DECH é a prova de que o linfoma está sendo combatido por essa medula nova que não admite erros como a antiga, e não dá brecha para que nada atrapalhe a sua vida. É estranho, mas só a gente que passa por essas doenças malucas que achamos bom ter uma rejeiçãozinha, um tipo de garantia que o câncer não tem mais chance alguma no seu organismo.

    Acabei de ler o seu blog inteiro, e adorei!

    Parabéns multiplamente!
    Parabéns pelo sucesso do transplante, pelo modo bem humorado com que você encarou tudo, por celebrar a vida!

    Grande abraço,

    Carin

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carin, coisa doida mesmo, mas é isso mesmo que disse, pois é né tem males que vem pro bem....rsrrsrsr
      Não sei exatamente por o que passou ou passa, mas saiba que estou na torcida por vc pra que tudo continue sempre dando certo.
      Obrigada pelas palavras de carinho.

      Abração

      Excluir